MDI 3: Seminários sobre internet, mídia e jornalismo

13/04/2010

Selecionei nove textos para fazermos nossos seminários da disciplina “Internet e mídia digital 3″. Acho que com o material abaixo podemos conseguir uma boa visão sobre as transformações na mídia (e na sociedade em geral) a partir da internet, onde tenho a audácia de incluir um capítulo da minha dissertação.

Todos os livros citados merecem a leitura completa de sua obra, e recomendo fortemente para aqueles estudantes de jornalismo que desejam entender um pouco das mudanças em curso na mídia e na sociedade. É claro que outros livros mereceriam estar nesta lista (como A Busca, de John Batelle, já indicado aos alunos), mas temos que restringir a seleção para algo que seja adequado à nossa realidade.

1. Castells: a era do informacionalismo, capítulo do livro Cultura de Rede, Por Cláudia Ferraz Castelo Branco e Luciano Matsuzaki (Orgs.)

2. Jenkins: a cultura da participação, capítulo do livro Cultura de Rede, Por Cláudia Ferraz Castelo Branco e Luciano Matsuzaki (Orgs.)

3. A Cauda Longa, de Chris Anderson.
Como a tecnologia está convertendo o mercado de massa em milhões de nichos. Páginas 14 – 24; 50 – 55.

4. A Cauda Longa, de Chris Anderson.
Democratização das ferramentas de produção. Pags. 60 – 76.

5. Por que a nova mídia é revolucionária, de Caio Túlio Costa.

6. Jornalismo digital: Dez anos de web… e a revolução continua
RC Alves – Comunicação e Sociedade, 2006.

7. Webjornalismo participativo ea produção aberta de notícias
A Primo, M Träsel – Contracampo (UFF), 2006.

8. O mito libertário do “jornalismo cidadão”
Sylvia Moretzsohn – Comunicação e Sociedade, vol. 9-10, 2006, pp. 63-81

9. O Desafio dos Jornais com a Internet, de Rogério S. Mosimann. (capítulo de dissertação de mestrado disponível on-line).

Como será nossa atividade acadêmica com estes textos:

Cada alunos deverá ler um dos nove textos acima. A distribuição dos textos será feita em sala, em primeira tentativa por consenso, e se não houver consenso, por sorteio. A apresentação para discussão em sala será feita em dupla, ou seja, dois alunos necessariamente lerão o mesmo texto (mas podem ler todos!).

Cada aluno apresentará oralmente em sala um seminário sobre o texto trabalhado, em conjunto com o colega que leu o mesmo texto, e entregará uma resenha (máximo 2 mil caracteres com espaços) sobre o texto lido até o dia 30/11.

Data dos seminários: 20/11 à 30/11.

Palestra de Ethevaldo Siqueira marca lançamento de cooperação entre jornalistas e profissionais de tecnologia

11/08/2009

Estaremos lá na Assembléia, nesta terça (11/08), a partir das 19h, e todas as turmas de jornalismo noturno da Estácio também.

Além de Ethevaldo Siqueira, foram convidados para o evento representantes das empresas de mídia, do setor de tecnologia e das universidades. Continue lendo »

A Globo e a internet

22/10/2008

A entrevista que acabo de ler – com Juarez Queiroz, presidente da Globo.com – de certo modo complementa o post anterior, sobre o jornal O Globo e a internet. Segundo Juarez, “A visão de internet fechando em si não é a estratégia das Organizações Globo”. Integração de mídias é a palavra de ordem. Internet em todas e todas na internet.

Dois trechos da entrevista para conversarmos nos próximos encontros:

(sobre conteúdo em vídeo feito exclusivamente para web)

Existe um espaço do conteúdo profissional, um espaço para o conteúdo dos meus amigos e o espaço da grande oportunidade, com aqueles que estavam ali com uma filmadora e acabou registrando um momento que tem relevância.

(sobre lucratividade da operação internet da Globo)

Da nossa forma, não tratamos internet como uma mídia. Tratamos internet como uma mídia instrumental que tem um papel estratégico para a nossa mídia de origem

Confira a entrevista.

Muito além do papel de um jornal

24/09/2008

A nova campanha do jornal O Globo mostra de forma didática e bem sintética as transformações que os jornais estão passando. Confiram. Já faz tempo que jornal não é só aquilo que se compra nas bancas e depois de lido serve pra embrulhar peixe.